Autopoeta

A SECOND A DAY FROM BIRTH

Posted in arte, ciência, consciência by autopoeta on julho 13, 2013

Belo e tocante… o milagre da vida a cada dia.

 

________________________________

UMA FORÇA MAIS PODEROSA

Posted in ciência, consciência, sociedade by autopoeta on julho 1, 2013

Inspiração para este momento de reviravolta popular.

Episódios da história humana recente que nos trazem a convicção de estratégias mais eficazes que um contra-ataque bélico em direção à força opressora.

Seguem abaixo os links para os episódios da série Uma Força Mais Poderosa – Cem Anos de Conflitos Não-Violentos, exibida pelo GNT.

Vale conferir.

_________________________

A FORÇA DA MULTIDÃO É O GRANDE LEGADO

Posted in consciência, sociedade by autopoeta on junho 28, 2013

Padrao_movimento humano na terra

São muitos os aspectos dignos de atenção e reflexão neste momento histórico em que a população se dá conta de sua grandeza, aqui e em todo o planeta.

Estar em multidão nos faz sentir uma enorme força espontânea que emerge da mobilização, em uma magnitude sem precedentes.

(more…)

SOBRE AS MANIFESTAÇÕES POPULARES E O PROCESSO DE TRANSIÇÃO

Posted in consciência, sociedade by autopoeta on junho 17, 2013

[… que estas não se caracterizem simplesmente por quantidade de gente e volume de barulho, mas principalmente pela qualidade das relações e pela eficácia das atitudes.]

arte_comunicacao colaborativa na diversidade

_______________

Este texto começa a ser escrito ao constatar que estamos diante de uma força de supressão ordenada pelo Estado para conter as manifestações populares neste inverno de 2013.

Atos recorrentes de opressão à liberdade de expressão violam a constituição e afrontam a democracia e expõem a discrepância insana entre governo e sociedade, o primeiro a serviço de forças políticas e econômicas que representam 1% da população.

Penso que esta repressão violenta parece oriunda de um medo estrutural crescente que o governo e quem está por trás dele estão sentindo. Em algum lugar, já perceberam que a configuração em rede é soberana e esta se faz uma grande ameaça aos seus mecanismos de manipulação e controle.

Nutro uma convicção de que o fluxo dessa rede consciente emergente é inexorável e mais cedo ou mais tarde um novo paradigma integrador vai prevalecer e dissipará essa estrutura dominadora que parece parasitar o corpo da sociedade e o planeta Terra como um todo.

(more…)

UMA VOLTA ASCENDENTE NA ESPIRAL

Posted in ciência, consciência, sociedade by autopoeta on junho 12, 2013

Uma nova atitude de cuidado, respeito e cooperatividade está emergindo e influenciando o inconsciente vital humano.

Este vídeo caseiro e anônimo (até onde pesquisei) é como o prenúncio desse novo tempo: a perspectiva masculina que se afirma, expande e desbrava dando lugar à perspectiva feminina que acolhe, consolida e nutre. “Ambas as medidas se harmonizam com o tempo, não resultando daí, nenhum dano”.

______________________________

______________________________

POR UMA NOVA POLÍTICA SOBRE DROGAS

Posted in ciência, consciência, sociedade by autopoeta on maio 10, 2013
Amig@s do Autopoeta,

Este texto foi escrito há mais de dez anos, mas permanece atual e com grande relevância para o debate público sobre a legalização das drogas. Sejamos usuários ou não, este debate é urgente e tem implicações profundas na direção que a sociedade irá tomar.

 
_________________________________
SUPERINTERESSANTE
agosto 2002

A verdade sobre a maconha

por Denis Russo Burgierman / Alceu Nunes

_______

Poucos assuntos dão margem a tanta mentira, tanta deturpação, tanta desinformação. Afinal, quais os verdadeiros motivos por trás da proibição da maconha? A droga faz mal ou não? E isso importa?

_______

Por que a maconha é proibida? Porque faz mal à saúde. Será mesmo? Então, por que o bacon não é proibido? Ou as anfetaminas? E, diga-se de passagem, nenhum mal sério à saúde foi comprovado para o uso esporádico de maconha. (more…)

FICA FICUS

Posted in consciência, eventos, notícias, sociedade by autopoeta on março 12, 2013
destruct_Ficus da Bernardo Monteiro
_______________________________________

É com grande tristeza que vejo esta imagem dos Ficus da região central de Belo Horizonte, árvores centenárias que povoam o imaginário dos belorizontinos e compõem o que há de mais belo nesta que já foi um dia chamada Cidade Jardim.

Uma grande polêmica em torno da poda radical que elas sofreram em fevereiro, supostamente por conta de uma praga causada por uma mosca, movimenta a opinião pública. (more…)

UM MINUTO DE SILÊNCIO

Posted in arte, consciência, sociedade by autopoeta on fevereiro 28, 2013

“Nos anos 70, Marina Abramovic viveu uma intensa história de amor com Ulay. Durante 5 anos viveram num furgão realizando todo tipo de performances. Quando sentiram que a relação já não valia aos dois, decidiram percorrer a Grande Muralha da China; cada um começou a caminhar de um lado, para se encontrarem no meio, dar um último grande abraço um no outro, e nunca mais se ver.

23 anos depois, em 2010, quando Marina já era uma artista consagrada, o MoMa de Nova Iorque dedicou uma retrospectiva a sua obra. Nessa retrospectiva, Marina compartilhava um minuto de silêncio com cada estranho que sentasse a sua frente. Ulay chegou sem que ela soubesse e… Foi assim.”

(more…)

2012, UMA COMPILAÇÃO

Posted in consciência, sociedade by autopoeta on dezembro 26, 2012

liberdade dentro

A liberdade é dentro.

(Imagem: Mehdi Mohammadi Rouzbahani, Iran)

______________________

Anciões de Liberdade – Projeto Anciões [Terra Una / Ponto 1 de Cultura e Sustentabilidade / Funarte]

______________________

quatro circulos perfeitos

Não vemos as coisas como são.
Vemos as coisas como somos.

Humberto Maturana

______________________

(Rie Chinito – Perota Chingo)

______________________

(Imagem: Romulo Zapponi)

” A esperança não é a possibilidade de um futuro melhor,

mas a certeza de se estar fazendo a coisa certa HOJE”

Waclav Ravel

______________________

a motivação d’água é a riqueza da simplicidade
que gira a roda da vida e faz acontecer o tempo:
o embalo do apreço é a alegria de me fazer arte.

_____________________

nature is love.

_____________________

____________________

Gratefulness.

____________________

Água desenham árvores e trazem à tona a conexão essencial de todos os seres.

(Foto de Adriana Franco – Baja California, Mexico)

____________________

“O universo apenas finge ser feito de matéria, quando secretamente ele é feito de amor.”

“The universe only pretends to be made of matter, when secretly it is made of love.”

Daniel Pinchbeck

_____________________

Sinta-se abraçado.

________________________

O majestoso paradoxo da vida: ser nada mais que poeira sem importância nenhuma diante da imensidão cósmica; e, ao mesmo tempo, ser o centro e a expressão da totalidade em si, estando ligado a tudo e sendo essencial para que o universo seja o que é.

___________________

Antes das igrejas haviam as sagradas florestas de árvores.

____________________________

____________________

Protegendo as anciãs.

____________________

Amor é chama.

_________________

neste poema Cecília Meireles verseja o eterno porvir para ser além:

Renova-te.
Renasce em ti mesmo.
Multiplica os teus olhos, para verem mais.
Multiplica-se os teus braços para semeares tudo.
Destrói os olhos que tiverem visto.
Cria outros, para as visões novas.
Destrói os braços que tiverem semeado,
Para se esquecerem de colher.
Sê sempre o mesmo.
Sempre outro. Mas sempre alto.
Sempre longe.
E dentro de tudo.

__________________

“Houve um tempo em que a natureza fortalecia o homem, instruía-o, curava-lhe as feridas e lhe proporcionava a força de viver. O homem estava repleto de compaixão e de amor maternal pela terra e sabia que seu coração afastado da natureza torna-se seco e duro. Esse tempo não desapareceu. Ele se encontra dentro de ti, indestrutível. Basta apenas modificar o teu modo de olhar as coisas, buscando dentro de você o poder de seu espírito.”

Provérbio Sioux

_____________________

O Grande Espírito de Amor Universal de Todos os Povos; este advém da chama crística que é o mais despido e verdadeiro espírito do Natal.

Que venha 2013 com o esplendor do amanhecer.

_____________________

21 DE DEZEMBRO DE 2012

Posted in consciência, gerais, sociedade by autopoeta on dezembro 20, 2012
Muito me identifico com este texto do jornalista Daniel Pinchbeck sobre seus sentimentos pessoais acerca do dia 21 de dezembro. Assim que possível o traduzirei e postarei aqui no blog. Vale conferir:
|
|
|

∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞∞

This is how I am personally feeling about Dec 21 – not in any meta-cosmic sense, but for myself, as a person. I feel I am finally exiting the cocoon of my karmic and psychological past. I feel I am in the process of giving birth to myself (it has only taken 46 years!). For me, this means, on the one hand, a change of focus from the mental and intellectual to the physical and embodied – a profound re-balancing and shifting of priorities. It also means an acceptance and forgiveness of the past, in its entirety. This includes my personal past – the traumas I received and the pain I have also inflicted – and also the past of humanity as a whole, which has often felt to me like a terrible weight and a burden not just carried in my mind but woven into my cellular matrix.

I realize that I now possess the knowledge and certainty of who I am and how the universe operates – as a magical projection screen for consciousness to unfold and discover its own creative capacities. This crept up on me step by step, and is now integrated into my understanding. The next phase of my life is really about putting the knowledge I have gained into practice on all levels. Despite the dangers on our horizon – climate change, industrial catastrophe, etc – I think we have the opportunity to reinvent our planetary civilization so that it serves every person on the earth, and regenerates the Earth’s eco-systems. Nothing less than this is proper as a goal. In fact, the threats we face are what impel our evolution, and are necessary for our growth.

Along with those lofty goals for a rebirth of planetary civilization based on sanity and cooperation, I also intend to continue to seek my own liberation as a spiritual being, with the company of whoever else is interested in such a quest. I continue to be fascinated by shamanism, by tantra, by the potential for a transmutation of waking and dream-state consciousness – to the conquering of death by becoming an immortal spirit through practices of inner alchemy. I think that pursuing this requires a near-complete dedication and a number of years of engagement. Hopefully I will be able to clear the obstacles that impede this spiritual adventure in the time that is available – if God wills.

I see a tremendous opening of consciousness happening in our world today – a profound growth and questioning. I feel very grateful to be alive in this world at this point in time. I am amazed, also, by the power of this communication medium, which functions as a kind of proto-telepathy, allowing all of us to share the thoughts we have in a way never before conceivable.

I think what Dec 21 represents is the exiting of the birth canal for human consciousness – we are stepping into the light of our own self-knowing, to take responsibility for what the Ancients have left for us.

Let’s make use of all of the tools that history and nature have granted to us to bring about our own liberation and the transformation of the earth for the benefit of our own being and becoming, for the entities and minerals who share this earth with us, for our future descendants. What an incredible opportunity we have to create and to explore, to learn and to know. I know that we will not waste this precious opportunity.

_____________________